Dois helicópteros se chocam na Argentina matando 10 pessoas

Compartilhe se gostou !

10 pessoas morreram, entre elas dois medalhistas olímpicos.         
Eles participavam da gravação de um reality show.

acidente_helicoptero_argentina                      Medalistas olímpicos morrem em choque de helicópteros na Argentina (Foto: Jose Alamo / AP Photo) 

Dois helicópteros que levavam integrantes do "reality show" de sobrevivência "Dropped" se chocaram nesta segunda-feira (9) na Argentina, matando 10 pessoas.

O acidente aconteceu por volta das 17h locais na localidade de Villa Castelli, uma área montanhosa a 200 km da capital da província de La Rioja, noroeste da Argentina.

Os dois helicópteros haviam acabado de decolar de um campo de futebol no momento do acidente.

As testemunhas afirmaram que as condições climáticas eram ótimas para voar e as autoridades investigam as causas do acidente.

Franck Firmin-Guion, presidente da produtora ALP, que rodava no local o reality show, relatou que um dos helicópteros desviou repentinamente de sua trajetória e se chocou contra o outro.

Veja o vídeo

Os dois helicópteros foram emprestados por governos locais para a produção do 'reality show'. Segundo a rádio local Fenix, havia cinco pessoas em cada aeronave, sendo quatro franceses e um piloto argentino por veículo. Estamos chocados, é terrível", disse o produtor ao canal iTELE.

A navegadora Florence Arthaud, a nadadora Camille Muffat e o boxeador Alexis Vastine, os dois últimos medalhistas olímpicos, estão entre 10 mortos no acidente. Eles participavam nas gravações do programa para o canal de televisão "TF1".

Montagem com imagens de arquivo mostra os atletas franceses Florence Arthaud (vela) Camille Muffat (natação) Alexis Vastine (boxe), mortos no acidente de helicóptero na Argentina durante um reality show (Foto: Bertrand Guay, Jacques Demarthon, Jean Christophe Magnenet/AFP)

 

Montagem com imagens de arquivo mostra os atletas franceses Florence Arthaud (vela) Camille Muffat (natação) Alexis Vastine (boxe), mortos no acidente de helicóptero na Argentina durante um reality show (Foto: Bertrand Guay, Jacques Demarthon, Jean Christophe Magnenet/AFP

 

O resgate dos corpos começará em breve, anunciou a juíza Virgina Illanes Bordón, responsável por investigar a tragédia na província de La Rioja.

A magistrada informou que a retirada dos corpos não foi possível na segunda-feira porque era necessária a presença dos peritos da Aeronáutica, que viajaram de Buenos Aires e chegaram durante a madrugada ao local.

"Não tenho presunção sobre o ocorrido. Não posso confirmar nada de maneira categórica, nem sequer a identidade das vítimas ainda. É tudo material para investigação", afirmou a juíza, apesar da lista dos 10 mortos ter sido divulgada pelo governo de La Rioja.

"Toda a França está de luto esta manhã", declarou o primeiro-ministro Manuel Valls, que expressou a "imensa tristeza" no Twitter.

O presidente François Hollande expressou "seu espanto e comoção" ao ser informado do acidente, a maior tragédia da história dos "reality shows", na madrugada desta terça-feira.

O desaparecimento brutal de nossos compatriotas significa uma imensa tristeza", afirmou em um comunicado.

 

 

Fonte:G1​

Publicado por: Celso Serafim

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *