Tecnologia

Vida artificial ou comprovação de design?

Criação de vida artificial cada vez mais perto?

 thumb

Pesquisadores do Instituto J. Craig Venter afirmam estar cada vez mais perto de criar vida artificial a partir do zero. Em 2010, o fundador do instituto, Craig Venter, famoso por criar aprimeira célula com genoma sintético, anunciou que havia trazido à vida uma versão quase completamente sintética da bactéria Mycoplasma mycoides, transplantando-a na concha vazia de outra bactéria. A mais recente criação de Venter, que ele apelidou de “genoma Ave Maria”, será feita a partir do zero com os genes que ele e seus colegas do instituto, Clyde Hutchison e Hamilton Smith, consideram indispensáveis para a vida, segundo artigo publicado naNewscientist.

A equipe está usando simulações de computador para entender melhor o que é necessário para criação de uma célula autor replicante. A busca de Venter para projetar algas para produzir mais óleo do que o normal também vai bem. “Temos sido capazes de aumentar a fotossíntese tríplice, o que significa que temos três vezes mais energia por fóton (de sol) a partir de algas naturais”, disse. Ele também anunciou que seu programa para vasculhar os oceanos para a novela da vida microscópica, até agora, transformou-se em 80 milhões de novos genes para a biologia.
(O Globo)
Nota: Como assim “a partir do zero com genes”? Mesmo que eles criassem os próprios genes (o que ainda não será criação “a partir do zero”, afinal, elesestarão lá) a partir de matéria inorgânica, ainda estariam provando que é necessário que alguém faça isso.
criacionismo

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *